27 de out de 2010

Serra da Ibiapaba - CE

Mais uma vez visitei a Serra da Ibiapaba e não será a última. Digo isso, porque é um lugar cheio de belezas naturais para fotografar e compartilhar com os amigos.
Como sempre, prefiro acampar no Sítio do Bosco em Tianguá, pois não canso de admirar sua beleza natural . Depois de uma noite de chuva torrencial, o dia amanheceu com essa belissíma serração no Sítio do Bosco...
CLICK NAS FOTOS PARA AMPLIÁ-LAS.


Depois o sol apareceu e o orvalho deixou sua marca.


A tarde chega e a rampa de voo livre vira o point para:
o salto de parapente

ou asa delta



Depois é só esperar a noite e apreciar a lua cheia ...se possível.

















Fotografar também tem seus riscos. Vejam onde estou na Pedra do Machado em Viçosa.
Foto: Juscelino Reis


Além da beleza da pedra do machado, é interessante observar a estrada no alto da serra.

O tempo nublado prejudicou um pouco as fotos do "Castelo de Pedras" em Viçosa.



Algodão do mato encontrado no Castelo de Pedras.
Paraqueira é uma propriedade particular e aberta para visitação ao custo de R$ 10,00 por pessoa.

A casa do proprietário dispõe de quartos para hospedagem ao custo de R$ 1.000,00 (não é a casa toda), com as refeições inclusas.


Casa do Morador

Belezas naturais da Paraqueira.


Na serra do canta galo (estrada para Granja - CE), encontrei essa casa de taipa na beira do penhasco.


Nos jardins do Alto do Céu em Viçosa fiz mais alguns registros fotográficos.


Haja vista postagem anteriores, publico apenas essas imagens do Parque Nacional de Ubajara - CE.



Para terminar, eu e Juscelino fomos "descobrir" a Cachoeira do Frade. A chachoeira fica a 20 Km de Tianguá. O lugar é de uma beleza espetacular, mas para chegar lá é preciso um pouco disposição.
Em primeiro lugar, descer essa "beleza" de morro. Foto: Juscelino Reis
Depois atravessar o rio que abastece a cachoeira... Foto: Juscelino Reis
Continue caminhando por mais ou menos 2 km para aproveitar...
Admirar...

E lamentar que tem gente que não sabe preservar essa maravilha.
Como a volta foi pelo mesmo caminho, o sofrimento é o mesmo. Foto: Juscelino Reis

Um comentário:

Deixe sua opinião sobre a postagem.